quinta-feira, 24 de julho de 2008

SINAIS DA LOUCURA (?)

Esses demônios (?) me perseguem por todos os cantos desta terra de invejas, sobras, políticos e greves... Como dizia Kurt Cobain: "Eu sou mesmo um bebê errático e triste!" Quantas incertezas nos cercam neste mundo de máscaras e mascarados, onde a justiça não existe, o inferno é certo e o céu incerto... Isso me fez lembrar de uma antiga frase do enaltecedor das trevas John Milton: "É melhor reinar no inferno do que servir no céu." Uma frase que cairia bem para aquele herói de Gotham City... Como é mesmo o nome dele? Ah, sei lá...

Esses dias peguei o símbolo yin e yang e fiquei imaginando e sonhando com o seu significado. Entrei em uma conclusão: onde existe luz, existe trevas e vice-versa. Alguns evangélicos chamam o símbolo de Novo Milênio e uma empresa há uns 15 ou 20 anos o adotou como logomarca de roupas de griffe. O símbolo é milenar, representa o bem e o mal, a luz e as trevas, as duas faces da mesma moeda. É verdade que caminhos tortuosos nos levam ao topo... Sério, é verdade. Aprenda com os seus erros...

Gerônimo: frase inspiradora do protagonista vivido por Mel Gibson no longa-metragem "Teoria da Conspiração" Na teoria do protagonista, Gerônimo significa liberdade. O cara sobe num prédio bem alto e se joga, no meio do caminho grita GERÔNIMO, depois splaft no chão... A liberdade durou apenas alguns segundos... QUE DROGA DE LIBERDADE É ESSA QUE DURA TÃO POUCO TEMPO?

Estive pensando: "Por que 90% dos escritores de antigamente se suicidavam?" Não conseguiam viver do ofício ou o suicídio era a fúnebre poesia dos escritores malditos? Não foi apenas um ou dois casos de suicídio de escritores, mas sim dezenas. Cito: Ernest Hemingway, Thomas Chatterton, Sylvia Plath, Mário Sá Carneiro, Antero de Quental, Camilo Castelo Branco, Essênin (poeta russo), Yukio Mishima, Ana Cristina Cesar, Harold Hart Crane, Attila Joszef, Maiakovski, Paul Celan, Pedro Nava etc.

Não sei porquê coloquei esse título idiota, afinal, o que é a loucura? O que são sinais de loucura? É ir contra a maneira que os outros querem que nós agimos ou é expressar o que realmente nós sentimos? Sei lá, acho melhor você perguntar para um psicólogo, sou escritor e apresento os sinais da loucura (?)... |o/

Ademir Pascale - ademir@cranik.com
.

quarta-feira, 23 de julho de 2008

ANNO DOMINI - MANUSCRITOS MEDIEVAIS

Pude ler em diversos blogs e comunidades do orkut o sentimento de um autor em relação ao lançamento de uma obra. Realmente, é uma sensação incrível, pois as pessoas estão ali para prestigiar o nosso trabalho, para ler os nossos contos... Já participei de várias antologias e publiquei minha primeira obra no ano de 2004, intitulada "Jesus e os Manuscritos Proibidos". Em 2007 lancei o áudio-livro "Cinema - Despertando seu olhar crítico", mas confesso que nunca estive tão feliz como no lançamento do Anno Domini. Conheci pessoas incríveis e me esqueci completamente dos avatares inanimados do orkut. Lembro com perfeição das palavras da organizadora, escritora e amiga Helena Gomes: "Como é bom ver pessoalmente essas carinhas do orkut". O Cláudio Brites é super gente fina, alegre e simpático. O Ricardo Delfin (o autor-fantasma) é magnífico, e não digo isso apenas porque fui presenteado com três incríveis DVD's do gênero terror e um incrível livro de roteiro para cinema. O Jonatas, bacana como sempre, me apresentou seu alegre e simpático pai e sua amiga. O bruxo Danny Marks me surpreendeu, pois não trocamos muitas palavras, ele estava "avoado" com o lançamento...(rsrs) O incrível é que algumas pessoas parecem ser chatas no orkut, mas pessoalmente a história é outra, como o Leandro: a impressão que tive dele era de um cara "muito" chato, mas pessoalmente é muito bacana e alegre. A primeira coisa que o Leandro me perguntou foi: "Você é parente do professor Pasquale?". Expliquei: "Não, meu sobrenome é Pascale com 'c', e não Pasquale". Mesmo assim ele errou meu nome em seu álbum no orkut, escrevendo Adhemar, e não o correto Ademir...(rsrs) Troquei pouquíssimas palavras com o editor Edson, mas foi bom vê-lo pessoalmente. Já o Raphael Draccon é super tranquilo e não parece ser Carioca, mas sim Mineiro, pois é muuuuuito calmo...(rsrs) Minha esposa Elenir Alves saiu em quase todas as minhas fotos, e uma em que ela está com o Cláudio Villa chamou a atenção, pois naquele momento ele explicava que o nome "Elenir" era do país que ele criou para o seu livro "Pelo Sangue e Pela Fé". O Cláudio Villa foi o primeiro escritor que conversei no lançamento, e juro que não o reconheci, isso porque o entrevistei no começo deste mês. O Frodo... ah, o Frodo não foi, senti muito a sua falta, mas tenho certeza que ele estará no lançamento do Caminhos do Medo.

Foi um imenso prazer conhecê-los pessoalmente.

Ah, só para finalizar, em breve estarei lançando um livro solo do gênero ficção/terror. Todos serão convidados para o lançamento... :)

.

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Obra finalizada.

Finalmente, depois de meses trabalhando ardualmente em uma obra, finalizei (o título ainda é segredo, mas garanto que envolve o sobrenatural). Agora devo esperar os carteiros voltarem ao trabalho, pois somente assim poderei enviar minha obra via sedex para a editora. Eita paciência...

Greve e apagão.

Não somente eu como todos os brasileiros que surfam e trabalham na internet, ficamos "muito" irritados com este apagão sem justificativa da Telefonica, agora são os carteiros que estão em greve há quase 10 dias. Hoje pela manhã ouvi em uma rádio que os professores das escolas públicas provavelmente entrarão em greve no início de agosto. As férias dos alunos são quase permanentes, não aprendem praticamente nada e por incrível que pareça, são aprovados. No mês passado, ministrei aulas de informática para uma aluna da 8ª série que não sabia escrever "você" e nem "mãe". Eu e meu colega de trabalho fomos até a escola da aluna para perguntar para a diretora o que acontecia, e sem saber explicar, disse que à partir daquele dia, investigaria. Mas será que isso deve ser cobrado por alguém? E os outros milhares de alunos desta e outras escolas?

Bom, nem quero mais pensar sobre isso, pois minha cabeça já está começando a doer...
.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Meus Atores Preferidos

Anthony Hopkins

Meus Atores Preferidos

Woody Allen

Meu conto preferido


A queda da casa de Usher - Edgar Allan Poe

Meu 2º conto preferido


O Retrato de Dorian Gray - Oscar Wilde

Um filme?


O Nome da Rosa

Meu escritor preferido

Edgar Allan Poe

Meu 2º escritor preferido

Oscar Wilde

Minha revista em quadrinhos preferida


Batman - O Cavaleiro das Trevas (Cena da Revista)

Minha 2ª revista em quadrinhos preferida

Lobo - O Último Czarniano

PESQUISA E "COISAS" IDIOTAS...

PESQUISA
O que os motoristas fazem no trânsito de São Paulo?

- 20% Jogam o Jogo da Velha com o motorista do carro ao lado.
- 10% Aproveitam o trânsito para tirar uma soneca.
- 20% Assistem ao filme Titanic pela milésima vez em televisores portáteis.
- 10% Largam o carro no trânsito e vão tomar um cafezinho na padaria.
- 10% Fazem crochê (8% Homens e 2% Mulheres).
- 30% Perdem a cabeça e começam a chutar frenéticamente o próprio carro.

COISAS IDIOTAS:
Perdi a cabeça com uma coisa que ouvi hoje; fontes confiáveis me disseram que a caixa-preta dos aviões não é preta, é laranja. Não me pergunte porquê o nome é caixa-preta...

A questão acima me fez lembrar de outra semelhante: por que o quadro-negro das escolas não são negros, são verdes?

Ontem tive uma dúvida bem idiota, mas interessante. Procurei em várias enciclopédias e não encontrei uma resposta plausível, afinal, por que o homem ronca mais que a mulher?

.